06/ABRIL
Barra Da Tijuca
2º Especial Wagyu do Pobre Juan

Com edição limitada de uma das carnes mais desejadas do mundo, o Pobre Juan, consagrado pela excelência na seleção de carnes nobres, apresenta o 2º Especial Wagyu, com cortes provindos apenas de cinco novilhos puros. Iniciando dia 06 de abril, nas cidades de São Paulo (restaurante da Vila Olímpia e do Shopping Cidade Jardim) e Rio de Janeiro (no Shopping Village Mall), o festival acontecerá enquanto durarem os estoques.

 

Um dos grandes diferenciais do Wagyu é que ele tem uma capacidade muito maior de acumular gordura entremeada, chamada de marmoreio, do que qualquer outra raça.  Esse fator é importante para definir a qualidade destes cortes. Ou seja, quanto mais gordura ele tiver, mais saboroso, macio e suculento ele será.

 

A casa oferecerá quatro cortes de Wagyu: Baby Beef (R$ 109,90), Vacío (R$ 159,90), Colita de Cuadril, a maminha (R$ 149,90) e Shoulder Raquete (R$ 169,90). Todos eles serão servidos com porções individuais de um acompanhamento à escolha, como Farofa de pistache, o Palmito pupunha, as Papas soufflée, o Mix de cogumelos entre outros.

 

“Para oferecer o Wagyu aos nossos clientes planejamos com no mínimo 6 meses de antecedência junto com nosso fornecedor. Trata-se de uma carne muito especial, extremamente macia, suculenta, saborosa e com aroma incomparável”, explica o especialista em carnes e sócio do Pobre Juan, Luiz Marsaioli. Nesse festival, o Pobre Juan oferecerá gados que foram alimentados por 300 dias no Uruguai, com dietas com alto grau energético, resultando no marmoreio 7+, permitindo assim um perfeito equilíbrio de gordura para ser grelhado na parrilla.

 

Sobre o Wagyu

 

Considerada a carne mais cara do mundo, o Wagyu é realmente uma iguaria: é preciso obedecer padrões definidos pela Associação de Marketing e Promoção da Distribuição do Kobe Beef, que estabelecem desde o nível de marmorização até onde o gado será processado. Todo esse cuidado com a forma que o gado é tratado: no Japão os animais recebem cuidados especiais como massagem utilizando-se saquê, através de um método que muito se assemelha a uma drenagem linfática. Parte da alimentação dos animais inclui doses de cerveja para conferir ainda mais maciez à carne e melhorar a marmorização dela.

 

Graças a suas características genéticas, por possuir um marmoreio 7 (maior do que as demais raças) ao ser assada, a carne fica suculenta e macia, se distinguindo das demais pelo seu aroma, consistência e sabor peculiares. Além disso, a gordura em meio às fibras é rica em ômega-3 e ômega-6, ou seja, apenas gordura insaturada.

  • NEWSLETTER
  • Fique por dentro de tudo que acontece no Pobre Juan.

Entre em Contato,
nos envie seu feedback.
  
Pobre Juan © 2018 - Todos os direitos reservados
Icone Fechar
Icone Fechar
Reservas Goiania
Icone Voltar ao Topo